ACRE.GOV.BR

Governo se reúne com proprietários dos imóveis da área em que será construído o viaduto no Centro de Rio Branco

Por: Felipe Hid

A ordem de serviço para iniciar as obras de construção do viaduto no cruzamento das avenidas Ceará e Getúlio Vargas, em Rio Branco, será assinada ainda este ano. Por isso, o governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Obras Públicas (Seop), responsável pela execução, reuniu-se nesta terça-feira, 18, com os proprietários dos imóveis que serão impactados com a obra, para apresentar o plano de contingenciamento.

A implantação do complexo viário visa promover investimento em infraestrutura de transporte. Foto: Jean Lopes/Seop

“A reunião foi ótima e tranquilizou a todos. A princípio, acreditávamos que teria um impacto maior, mas o plano foi bem explicado e, com certeza, melhora o trânsito e não vai impactar negativamente nem um negócio ou família”, frisou o empresário Antônio Santana.

O viaduto é fruto do convênio entre o governo do Acre e o governo federal, por intermédio da Sudam. Foto: Jean Lopes/Seop

A obra conta com o apoio da Prefeitura de Rio Branco e tem diversas instituições envolvidas. A Secretaria de Estado de Habitação e Urbanismo (Sehurb), que faz parte do comitê, participou da reunião.

“Apresentamos os benefícios que esta obra trará para o trânsito da capital e levamos mais clareza de como ocorrerá a execução dos serviços para quem será afetado por ter propriedade na região. Asseguramos, ainda, que todos serão visitados pela assistência social para realização de cadastro e tratamento de cada caso. O governador determinou que tenhamos esse diálogo para que as tratativas sejam transparentes”, ressaltou o titular da Seop, Ítalo Lopes.

As obras gerarão mais de 300 postos de trabalho diretos durante todo o processo de construção do viaduto. Foto: Jean Lopes/Seop

Os investimentos são provenientes de emenda parlamentar do então deputado federal e atual senador Alan Rick, no montante de mais de R$ 17 milhões, e contrapartida do Estado, no valor superior a R$ 4 milhões, totalizando aproximadamente R$ 22 milhões.

Skip to content